sexta-feira, 20 de abril de 2018

Igualdade econômica pode manter casais unidos, aponta pesquisa

Da redação

 Os tempos mudaram, assim como os relacionamentos. Embora hoje as pessoas se casem por amor, a renda também faz parte da decisão de se casar, em muitos casos. E se a renda for igual ou muito parecida, a chance do casamento dar certo é bem maior e o risco de separação diminui, segundo um estudo da Universidade de Cornell, nos Estados Unidos, que acaba de ser divulgado.

“O dinheiro jamais será a base de um relacionamento verdadeiro”, afirma a psicóloga Marina Simas de Lima | Imagem: reprodução
Assim, a igualdade de renda parece oferecer aos casais mais estabilidade e reflete a crescente divisão socioeconômica na vida familiar. A pesquisa deixou claro que os recursos combinados do casal são muito importantes para a satisfação conjugal.

Para a psicóloga Marina Simas de Lima, cofundadora do Instituto do Casal, a pesquisa internacional corrobora com estudos feitos por sociólogos e economistas no Brasil e na América Latina, que mostram a crescente tendência de escolher parceiros com características socioeconômicas semelhantes. “Esse fenômeno social é chamado de casamento seletivo. Hoje, as pessoas realmente procuram escolher parceiros (as) que tenham o mesmo nível de educação, de cultura e de renda para se casar”.

Marina comenta que para um relacionamento funcionar é realmente preciso ter mais semelhanças do que diferenças. “Isso não quer dizer que o amor não possa surgir entre pessoas com renda, gostos e nível educacional diferentes. Mas, com o passar do tempo, pode ser que essas diferenças comecem a pesar na dinâmica do casal e diminuir a satisfação com o relacionamento”.


A realidade hoje é muito diferente do que era há 20, 30 anos, quando a mulher não trabalhava e se dedicava aos filhos e ao lar. Outro ponto importante é que a igualdade na renda elimina a dependência econômica e a disputa pelo poder, pois antigamente quem ganhava mais, teoricamente, podia mais no casamento e, com isso, havia casos de submissão na relação.

Mas a psicóloga destaca ainda que “o dinheiro jamais será a base de um relacionamento verdadeiro” e, sim, um vínculo afetivo sólido e sincero poderá construir uma história saudável e feliz.

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Veterinária orienta como passear com cachorro

Da redação

Ao caminhar pelas ruas é comum encontrar pessoas passeando com cães. O passeio, aparentemente simples, esconde cuidados que, se não realizados, transforma o momento que deveria ser divertido, em uma ocasião estressante para o animal. Por isso, é preciso ter em mente que este momento é do animal e não da pessoa que o leva. Para proporcionar uma recreação prazerosa a  veterinária e fundadora da Pet Anjo, Carolina Rocha, separou algumas dicas.

Todo cachorro precisa ter 30 minutos de passeio diário, pelo menos | Foto: reprodução  
Escolha uma rota tranquila: tente procurar um caminho mais arborizado e sem muito tumulto. Os episódios mais estressantes para os animais são: aproximação de outros cães, pessoas desconhecidas querendo fazer carinho, impedir que o cão fareje e faça as necessidades, barulho de skate, bicicleta, moto e crianças correndo. Evite essas situações;

Preste atenção aos sinais corporais: medo, ansiedade, agressão, latidos, brincadeiras e temperatura corporal, principalmente aos animais com focinhos curto;

Verifique o ambiente: todo animal é curioso, por isso, atenção aos objetos e restos de alimentos que estão no chão. Machucados como cortes e abrasões também ocorrem, é preciso estar atento ao espaço;

Animais soltos na rua: é preciso observar também se há outros animais abandonados ou sem guia. Ao perceber isso, vire seu animal para o lado oposto ao cão, ou seja, mude de sentido, para que seu pet ignore o outro animal;

Coleira: é importante verificar o estado da coleira e guia, e evitar puxões. Os animais precisam de espaço para cheirar e ter estímulos diferentes;

Lembre-se: todo cachorro, independente da raça, precisa ter pelo menos 30 minutos de passeio diário. Além de estimulação física, a caminhada traz benefícios mentais; Antes de sair para o passeio, mostre ao cachorro que ele está indo para algo divertido, mas calmo.



quarta-feira, 18 de abril de 2018

Poço Azul é destino paradisíaco no Maranhão

Da redação

O Poço Azul é um dos principais atrativos da Chapada das Mesas, uma região exuberante com vegetação típica do cerrado localizada no sul do Maranhão. A atração fica no município de Riachão, a 130 quilômetros (km) de Carolina, no Complexo Eco Turístico Poço Azul.

Local tem águas mornas | Foto: Paula Coelho
O complexo é uma área privada com diversas cachoeiras, piscinas naturais e estrutura para hospedagem e atividades de ecoturismo. As atrações mais famosas possuem acesso por passarelas de madeira construídas em um penhasco fechado por matas com facilidade. A subida exige um pouquinho de fôlego para quem está fora de forma, mas o esforço é recompensado depois de curtir as águas cristalinas dos atrativos locais. O visitante pode ainda atravessar as grandes quedas d’ água e curtir a tirolesa que rasga as matas e atravessa os morros de pedras.

Já o Poço Azul está a 16 km da área central da cidade de Riachão. O local é considerado por muitas pessoas uma das seis maravilhas do Maranhão.  Lá é possível banhar-se nas águas mornas da lagoa, que tem o fundo de calcário e, com isso, há uma visibilidade de 98%. Peixes coloridos, algas e vegetação preservadas fazem do mergulho uma experiência única, como se o turista mergulhasse num enorme aquário natural.

Os passeios podem começar na Cachoeira Santa Paula que na época das chuvas, de janeiro a maio, fica com um volume maior de água. Nos outros meses o volume é menor, mas a coloração fica mais clara, em função do menor volume de chuvas.

Em seguida, o passeio pode ser feito naCachoeira do Moreno, que na verdade é um filete d'água no meio do caminho, onde é possível matar a sede. E, na sequência da trilha, está a Cachoeira Santa Bárbara. Ela recebeu esse nome, pois bem no meio da queda tem uma pedra que lembra a imagem da santa. Ali perto tem a Gruta de Santa Bárbara, onde é possível orar ou meditar. Vale a pena subir a trilha para explorar a Cachoeira dos Namorados, que é mais reservada e, por isso, recebeu esse nome.

Para mais informações sobre hospedagem e passeios clique aqui e acesse a fanpage do Poço Azul Ecoturismo ou ligue (99) 98847-1289.



terça-feira, 17 de abril de 2018

Falta de Vitamina D pode interferir na fertilidade

Da redação

Com a chegada dos meses mais frios do ano, há uma redução nas taxas de colecalciferol, ou vitamina D - como é mais conhecido. O processo de formação da vitamina D ocorre na pele e depende dos raios solares do tipo UVA e UVB - 90% da produção de toda a vitamina D que circula em nosso corpo ocorre nesse processo.  Entre os transtornos do déficit de vitamina D constam  dificuldade para engravidar, mesmo nos tratamentos de fertilização in-vitro.

O processo de formação da vitamina D ocorre na pele e depende dos raios solares | Foto: Shutterstock 
Mesmo em países com alta incidência de exposição solar, como é o caso do Brasil, uma parcela cada vez maior da população encontra-se com níveis insuficientes ou deficientes de vitamina D, o que faz com que toda a comunidade médica fique atenta, conforme comenta o ginecologista e especialista em reprodução humana,  Roberto de Azevedo Antunes, diretor-médico do Centro de Reprodução Humana Fertipraxis.  "O crescente déficit dessa molécula na população pode levar ao descontrole e/ou surgimento de uma série de patologias", afirma.

 A vitamina D é uma molécula que apresenta ação hormonal em diversos processos do nosso organismo. Sua ação mais conhecida se dá na regulação dos níveis de cálcio e fósforo, e sua deficiência ocasiona, entre outros problemas, fragilidade óssea e fraqueza muscular. Ela atua ainda no controle da proliferação de células cancerígenas, na modulação da função cardíaca, na regulação do sistema imune e até no desempenho reprodutivo dos casais.

"Então, a influência da vitamina D na fertilidade humana, apesar de cada vez mais estudada, ainda não é bem elucidada. Estudos em modelos animais evidenciaram que ela possui um enorme efeito sobre a capacidade de gravidez e sua evolução. No entanto, em humanos, ainda há espaço para discussão", explica o médico.

Pesquisas recentes identificaram que déficits dos níveis sanguíneos de vitamina D foram observados em condições que dificultam a gravidez, como na endometriose e na síndrome dos ovários policísticos. Além disso, várias publicações mostraram que homens com níveis mais baixos da vitamina D apresentam piores parâmetros de qualidade seminal e maior dificuldade em engravidar suas parceiras.

Outro estudo recente mostrou que baixos níveis de vitamina D estão relacionados a menores taxas de gravidez em tratamentos de fertilização in vitro. "Quando avaliamos o desempenho de gestações em curso, baixos níveis de vitamina D parecem também estar ligados a piores resultados obstétricos. Dentre eles destacam-se maiores taxas de abortamentos e de doença hipertensiva ligada à gravidez", acrescenta.

Diferentemente do que ocorre com a prevenção de fraturas e da saúde óssea, onde a reposição de vitamina D é comprovadamente eficaz, ainda não é claro se a reposição de vitamina D auxilia na prevenção de problemas na gravidez ou na melhora dos resultados de tratamentos de fertilidade.

A grande pergunta que a comunidade médico-científica segue tentando responder é se a reposição de vitamina D nessas situações é válida ou não. Até o momento as principais sociedades de obstetrícia e medicina reprodutiva não recomendam reposições altas de colecalciferol para mulheres em idade fértil, mesmo durante a gestação. "Essa é uma área de muito debate e com muitos estudos sendo realizados, de modo que, a qualquer momento, essa posição pode ser revista", conclui Antunes.




segunda-feira, 16 de abril de 2018

Médica alerta para os cuidados com a saúde vocal

Da redação

O Dia Mundial da Voz é comemorado hoje (16), então, os especialistas reforçam os cuidados para preservar a saúde vocal. A fonoaudióloga Ana Lúcia Duran - da clínica Zambotti & Duran, da capital paulista - alerta para as alterações da voz, que podem ser sinais de doenças, como o câncer de laringe, por exemplo.

Comer maça auxilia na "limpeza" das cordas vocais | Foto: reprodução 
“Qualquer alteração no timbre e na forma de colocar a voz, tosse, pigarreia ou rouquidão frequente já são sinais de que algo não está bem e é preciso investigar”, fala a especialista que listou dez cuidados, que garantem a saúde vocal.

Cuidados com a voz
1. Priorizar a alimentação rica em fibras e proteínas;
2. Ingerir muita água;
3. Não gritar;
4. Falar pausadamente;
5. Evitar bebidas gasosas;
6. Não fumar;
7. Comer maçã diariamente para fazer a "limpeza" das cordas vocais;
8. Manter ar condicionado e as pás dos ventiladores limpas e livre de ácaros;
9. Evitar andar descalço;
10.Evitar banhos muitos frios.



sexta-feira, 13 de abril de 2018

Dermatologista fala sobre mitos e verdades da toxina botulínica

Da redação

A toxina botulínica, popularmente conhecida como botox, é um dos procedimentos estéticos não cirúrgicos mais realizados no Brasil e no mundo, principalmente, por quem busca harmonização e rejuvenescimento facial. O dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, Sergio Talarico, desmistifica algumas questões e apresenta curiosidades sobre essa substância que é febre no mundo da estética.

1- Os efeitos da toxina botulínica são imediatos?
Não, de acordo com o médico, o efeito começa a ser notado 48h a 72h após a aplicação da substância. "Os resultados finais podem ser observados após aproximadamente duas semanas da realização do procedimento" esclarece o dermatologista.

2- Além das rugas, a toxina botulínica também pode ser indicada em prol da saúde?
Segundo Talarico, a substância pode apresentar outras finalidades, além do combate às rugas dinâmicas. "O avanço da tecnologia e da medicina nos proporciona ricas descobertas diariamente. Hoje a toxina botulínica pode ser eficaz para o tratamento do bruxismo (hipertrofia masseter), sorriso gengival, assimetrias por contraturas musculares paralisia facial, hiperidrose e enxaqueca crônica. Além disso, estudos médicos mais recentes apontam que a toxina botulínica também pode ser aplicada em tratamentos para dores neuropáticas como, por exemplo, a neuralgia pós herpética (pós herpes zoster) melhorando a qualidade de vida dos seus portadores" relata o médico.

3- A toxina botulínica pode ser aplicada para a prevenção de rugas?
É muito comum pacientes jovens recorrerem a um protocolo, cada vez mais, presente em clínicas, o botox preventivo. Que consiste na aplicação da substância antes das rugas se tornarem estáticas, retardando o envelhecimento facial. "Este protocolo pode sim ser realizado, desde que indicado precisamente pelo médico a partir das condições do paciente, se este tiver predisposição genética a flacidez e rugas, por exemplo, esta pode ser uma medida eficaz. O ideal é que o médico avalie cada quadro e veja se realmente o procedimento é indicado e necessário" alerta o médico.

4- Existe idade mínima para a aplicação da toxina botulínica?
Não existe uma idade mínima estipulada. O ideal é que a pele do paciente seja avaliada por um profissional qualificado (dermatologista ou cirurgião plástico) para devidas orientações, prezando sempre pela saúde e bem-estar. "O início da aplicação depende muito da qualidade da pele, da força da musculatura facial e da frequência que ela é recrutada. O mais frequente é que os indícios das marcas comecem a aparecer após os 30 anos (idade em que, em média, se reduz a capacidade de produzir colágeno), mas dependendo das condições citadas acima isso pode acontecer antes ou depois" explica o profissional.

5- A toxina botulínica dá volume aos lábios?
Muitos acreditam que a toxina é utilizada para dar volume aos lábios, o que não é verdade. De acordo com o médico, no caso dos lábios, a substância age relaxando a musculatura onde é injetada, atuando nas rugas de expressão, como as que se formam ao redor da boca. "Para quem busca realçar os lábios, o tratamento indicado é o preenchimento labial" recomenda o médico.

6- O procedimento é dolorido?
"O procedimento é praticamente indolor, pois é realizado com agulhas ultrafinas e com pequenas quantidades da substância. Pessoas mais sensíveis podem optar pelo uso de anestésico tópico local" assegura o médico.

7- A aplicação apresenta efeito permanente?
Outra dúvida muito frequente é em relação a durabilidade dos efeitos do procedimento. De acordo com o dermatologista, os efeitos duram de quatro a seis meses, sendo necessária a reaplicação de acordo com orientação médica.

8- Quem aplica perde a expressão facial?
O esperado é que a substância seja aplicada precisamente no músculo responsável pela formação das rugas, deixando um aspecto natural. Em algumas situações, o relaxamento muscular pode ser mais intenso de acordo com a técnica aplicada e a quantidade de substância injetada, deixando a pessoa menos expressiva. "Por este motivo, é essencial que as pessoas busquem por um profissional experiente e apto a realizar o procedimento" reforça o dermatologista.

9- Existem contraindicações para a aplicação da toxina?
"Este procedimento não é recomendado para gestantes, mulheres que estejam amamentando, portadores de doenças neuromusculares, pessoas que façam o uso de anticoagulantes ou que apresentem algum tipo de infecção no local o qual será aplicada a substância" alerta o profissional.




quinta-feira, 12 de abril de 2018

Péricles faz única apresentação em São Bernardo do Campo

Da Redação

Nesta sexta-feira (13) o cantor Péricles sobe ao palco do Fábrica Mix, em São Bernardo do Campo, SP, com a turnê do seu álbum, ‘Deserto da Ilusão’. O artista irá apresentar as músicas inéditas do novo trabalho, mas canções que fizeram parte da sua trajetória desde a época do grupo Exaltasamba até sua bem-sucedida carreira solo, não ficarão de fora do repertório.

Foto: Divulgação

Hits como “Melhor Eu Ir”, “Final de Tarde”, “Costumes Iguais”, “Cuidado Cupido”, “Vai Por Mim”, “Depois da Briga”, “Linguagem dos Olhos”, se alternam em um show contagiante repleto de suingue, samba, alegria e romantismo.

Considerado um dos artistas mais completos do samba, Péricles tem viajado ao redor do país e recebido uma ótima aceitação do público ao seu novo trabalho. Ele desembarca na cidade com um show emocionante que ficará sempre na memória de todos os fãs e admiradores.

A apresentação ocorre na Fábrica Mix, que fica na rua Marli, 26, em São Bernardo do Campo. Mais informações: 95362-4284 ou www.clubedoingresso.com.



Igualdade econômica pode manter casais unidos, aponta pesquisa

Da redação  Os tempos mudaram, assim como os relacionamentos. Embora hoje as pessoas se casem por amor, a renda também faz parte da decisã...