segunda-feira, 4 de fevereiro de 2019

A magia dos dormitórios infantis

Por Mariane Vanzei*

Olá, eu sou Mariane Vanzei, arquiteta, formada desde 2013 e atuante desde 2009 nesse fantástico mundo da Arquitetura. Amo o que faço e vou dividir com vocês um pouco de minhas experiências e histórias realizando os sonhos dos meus clientes!

Hoje vamos falar de dormitórios infantis, as crianças têm sim um programa de necessidade bastante grande para seu quarto, e normalmente em um espaço pequeno, como acomodar tudo isso? Eu falo que devemos fazer bloquinhos com o tamanho de tudo que a criança necessita naquele espaço, como se fosse um quebra-cabeça para encaixarmos tudo, então bloquinho da cama, bloquinho do armário, bloquinho da bancada de estudo, e quando são irmãos tudo em dobro, e quanto temos menino e menina, importante respeitar a individualidade de cada um, viu mamães e papais?!

Foto: Henrique Ribeiro
Escolher o tipo de piso do ambiente, tipo de iluminação, se teremos rebaixo de gesso liso ou decorado ou não teremos rebaixo de gesso, espaço para o cortineiro que acomodará uma bonita cortina ou ainda a prática persiana, acabamentos de marcenaria ou planejado, composição de cores, texturas, tapetes, sim tapetes, mesmo crianças alérgicas podem usar tapete, farei um especial sobre tapetes para vocês explicando o porquê!

O gostoso dos dormitórios infantis é sonhar com a criança e principalmente com os pais, sim vocês pais são muito importantes e participativos, pois o dormitório auxilia na rotina de vocês com os filhos, ter um ambiente organizado e segmentado, tendo definido onde dorme, onde estuda, onde guarda suas roupas, onde ficam os brinquedos, uma cama auxiliar para o priminho ou o amiguinho, faz com que a criança se organize e os pais mais ainda.

As cores, minha parte favorita, tenho como característica de trabalho, não só em dormitórios infantis, a presença de cores, para mim cores trazem vida ao local, mas se você gostar de tudo preto e branco, também farei um projeto com todo carinho para você, não se preocupe! Voltando as cores, no máximo três cores devem ser escolhidas, trabalho com elementos maiores como o guarda-roupa/armário em um tom neutro e detalhes como nichos, portas menores, bancada de estudo em uma cor que agrade a criança e os pais.

Foto: Vilhora
Falando um pouco mais de iluminação, temos a fibra ótica que forma como se fosse um céu estrelado qual é bastante lúdico e acalma a criança para dormir, temos também plafons, luminárias de mesa e pendentes em formatos incríveis como skate, nuvem, gatinho, casinha, e o que a imaginação permitir. A temperatura da luz é muito importante, válido para dormitórios infantis ou não, a recomendada, inclusive por profissionais da saúde, é a luz amarela 2700K, pois ela auxilia no descanso. Também prometo para vocês fazer uma matéria explicando exatamente sobre as temperaturas de luz e as possibilidades de iluminação, que são inúmeras.

A marcenaria ou planejado é um ponto bastante importante, os pais devem decidir como serão os internos dos armários que compõem o dormitório infantil, para conseguir o conceito de segmentação que já comentei com vocês acima, um espaço mínimo de 1,00m para uma bancada de estudos individual se faz necessário para uma boa utilização do espaço.

As persianas ou cortinas devem ser escolhidas de acordo com as cores do projeto, vale a regra de tons mais neutros quando tenho bastante cor no projeto como um todo ou cor mais forte na cortina ou persiana que componha o leque do restante do projeto mais neutro. O equilíbrio é necessário para que se consiga permanecer no ambiente por muitas horas, que é o que acontece no caso de um dormitório. 

A escolha do tipo de piso e do seu acabamento fazem a diferença na sensação que teremos neste dormitório, o piso porcelanato é bastante prático, porém é o famoso piso frio, não traz tanto aconchego quanto um piso de madeira ou ainda uma opção mais econômica: o piso vinílico, que imita madeira e é emborrachado trazendo uma sensação térmica melhor comparado ao piso porcelanato.

Por último e não menos importante: o colchão! Peça fundamental para um dormitório e para o desenvolvimento do seu filho(a),molas ensacadas, molas ensacadas com pillow top, visco elástico e látex que é uma tecnologia novíssima e muito confortável, são as opções mais comum e que agradam filhos e pais.     

Nada é regra, a regra na sua casa é o que você gosta e o que te traz felicidade no olhar.

Foto: Divulgação


*Sobre a Arquiteta Mariane: Quem comanda toda a criatividade e execução da MAV Arquitetura é a Mariane Vanzei, Arquiteta e Urbanista, atuante desde 2009, pós-graduada em projeto executivo e MBA em gerenciamento de projetos com extensão em Inteligência Emocional pela Fundação Getúlio Vargas. Com criatividade aguçada, une ideias com funcionalidade e faz cada projeto com dedicação e personalidade no objetivo principal de atender o seu cliente em suas vontades, preferências e valor disponível de investimento.

Profissional em constante aperfeiçoamento, está sempre em feiras do segmento como Revestir, Abimad, Casa cor, Isaloni em Milão, cursos, workshop e palestras, trazendo movimentos e tendências nacionais e internacionais para seus clientes.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Petlove lança plataforma de doação de produtos às ONGs

Redação A Petlove, primeiro petshop online e clube de assinaturas para pets no País, lança a primeira plataforma online de doação de pr...